Translate

Videos

Loading...

quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

Ansiedade



 
Um barquinho a deriva no mar imenso.
Marinheiro inexperiente que achou que podia navegar sem o capitão.
O barquinho segue lembrando quão inexperiente é o marinheiro que nele navega.
Sem ter ao menos remo se achou capaz de improvisar seu próprio remo, ajudar ao Senhor do vento a direcionar o seu barquinho.
Enganou-se achando que sua força o levaria a algum lugar.
As águas não mudaram, o vento que traz a brisa do amor continua o mesmo. Somente o marinheiro com sua ansiedade o rumo perdeu.
Agora de repente entendeu. Seu barco nunca seguiu ao sabor da maré. Jamais foi capaz de achar um rumo sem o Capitão .Não adiantou colocar as mãos na água com seu frágil remo improvisado e tentar dar seu próprio rumo ao seu destino.
Seu barco tem um Capitão e sua lição nessa parte da viagem foi à paciência. Confiar no seu capitão.
Humano e frágil coração desse marinheiro. Cheio de expectativa e vontade chegar.
Nesse amanhecer chuvoso entendeu. Não necessita ansiar para chegar.
Baixou os olhos e agradeceu. Não precisa se preocupar. O Capitão direciona o barco e logo no porto seguro ira chegar.

 

Mas eu, quando estiver com medo,
confiarei em ti.
Salmos 56:3

Nenhum comentário:

Postar um comentário