Translate

Videos

Loading...

sexta-feira, 11 de abril de 2014

Qui sorte é essa sô!!



- Oh cachaça mardita ! Seu Jaó, mi ingano , disse que a marvada era da boa ! Mais  to torto aqui!
 -Acurdei meio zonzo , quandu vi a cascaver da mãe da Rosinha currendo em minha direção cum uma vassora na maão...Pensei, dessa vez mi lasquei .
Assim que a véia si aproximo, largou a vassoura i grito ,- Zê ocê ganho na tar de loteira , tamu rico!
-Diaxo! Num alembro di ter jogado , mas se a cascaver da minha sogra ta falando eu acredito.
Intão peguei a charrete , i fui pra cidade pra recebe meu dinheiro. Inquanto isso Rosinha , as veias , a irmã dela  i u mala du meu cunhado , ficaram ralandu mio, preparando cural , dessagando a carni , qui ia te festão quando eu vorta.
Duranti o caminho cumecei a pensa cumo seria minha vida di mionario.Ia inté da um pokinho pro mala do meu cunhadu.Ja ia passa na loja do Sr Epaminondas i cumpra um par di chinelo novo , pra famia toda , ve ki istravagança
-Mas pera ai? achu ki da pra comprar um vistido novo pra rosinha , i mais uns dois metru di pano , afInar quandu o vistido rasgar ou gasta, tem ki remenda...I vou cumprar butina nova pra mim Ismim , cumpra perfume pro cheroso , afinar nosso porkinho e limpo .Vou ajudar um pokinho a igreja , i idispois si sobrar arguma coisa intão penso im passar uma tinta nova na casa ... Afim cheguei na cidade , i levei meu biete premiado. O Sr Jusias , arregalo os oiois quandu viu , e me pegou pela mão mi levou pra dentro ii disse,
-Zé ocê sabe o ki ganho? Disse Jusias
- Num, só  sei qui vim buscar meus trocos aqui.
- Não Zé , vou cum ocê nu banco , pourque ocê ganho 35 milhoes!
- Oxi ! Deve ser mais que mir, purque mir já é muito dinherio pra eu.
 Assim ki cheguei nu banco ,o genreti mi atendeu cum um sorriso , abriu uma tarde de caderneta pra mim, i disse que eu num pricivava mais trabaia na vida , ki pokia inté paga impregada.
-Ixi , Rosinha vai pula di alegria .....
- Tudu aresorvido na cidade , passei num mercado cumprei um munte de coisas pra festa . Cumprei butinas novas pra todo mundo tuben, i roupa pra todo mundo, e 5 litrus da mió cachaça , afinar era dia di festa ... i fui cunvidando todo mundo pro festão na minha casa , quando dirrepente, veio agua pur todos os lado...
Acordei insopado com a cascaver da minha sogra falando pra mim acurda é ir trabaia!
Foi quandu apercebi que tava nu celero du meu ranxinho , e pensei:
 - Diaxo, sonho ki cumeça  cum essa jararaca , num podia acabar bem !

Nenhum comentário:

Postar um comentário