Translate

Videos

Loading...

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Escrevendo para mim..............................




Escrevendo para mim..............................
Noite de sono reparador.
Benção de Deus por seu amor.
Acho que aparei arrestas eliminei as brechas.
Chega de guerra, agora só paz e amor.
Cuidar dos que comigo caminham.
A morte transforma grandes problemas em grãos de areia.
Transforma sentimentos. Muda valores.
Tão curto é o caminho, não vale à pena desgastar a sandália. Ferir os pés em pedras.
Despertar rancores. Atrair ódio.
Hoje abri a janela do jardim, ouvi os pássaros.
Contemplei a natureza. Acordando agradecida com certeza.
Coração de luto no meu peito. Que tristeza!
A terra permanece, sempre. Apaga pegadas com seu ciclo de mudanças.
Tudo o que deixamos nessa vida é as marcas que tatuamos no coração dos que amamos.
Eternizados somos no olhar dos nossos filhos, netos.
Assim somos eternos, assim voltam os mortos.
Daqui a pouco é à hora da despedida, na capela vazia, somente restarão às flores.
Dia triste cheio de lágrimas de saudades.
Odeio despedidas, odeio a morte.
Recorda-me que sou humana, apenas pó.
Insignificante demais para ser perfeita.
Importante demais para os que me amam.
Forte por fora, frágil por dentro.
Arrumando-me para dar ombro, dar colo.
Deus daí me força para transmitir. Faz parte da jornada amparar os companheiros nas horas de dor.
E não me deixe esquecer...
A fila segue
...

Nenhum comentário:

Postar um comentário