Translate

Videos

Loading...

domingo, 14 de outubro de 2012

Maura 38


Olá meu nome é Maura.
Vim da capital do Paraná para vencermos nesse final dos anos 80 ,na capital do Mato Grosso.
Tenho 38 anos, casada, seis filhos lindos. Apesar de lutarmos financeiramente sou feliz.
Sou uma baixinha bonita, com cabelos louros escuros e olhos verdes.
Recentemente uma amiga jovem ainda ,engravidou. Gravidez indesejada, aconselhei-a a tirar. Ensinei o remédio.Se vai fazer ou não ,é com ela.
Se não tirar é uma idiota!Tem dezoito anos, solteira, uma vida inteira pela frente.
É ,a garota não tirou,assumiu e enfrentou o mundo. Corajosa a garota!
Anos se passaram, por motivos graves, que não veem ao caso aqui, resolvemos voltar para nosso estado.
De tudo que tenho na vida meu esposo e filhos são meu mundo.
Um dia tive uma surpresa, estava grávida!Que alegria!Sei que meus filhos já estão grandes, que já não tenho idade e saúde para ter um filho. Mas e daí?
Contei para meu marido que se preocupou. Fomos ao médico. Que foi honesto.Eu não poderia ter aquela criança.Fato impossível de acontecer porque era um risco grande demais.Em resumo:Eu não tinha saúde para levar adiante aquela gravidez.O certo era interromper.
Nada é perfeito!Minha saúde é péssima!Sou acompanhada por médicos. Gravidez no meu caso é uma sentença de morte!
Nem quero saber, quero meu filho!Vou em frente, não vou matar meu filho!Meu marido argumentou que já temos seis. Sei que ele está preocupado.Porem quem decide sou eu.
Estou em meses de sofrimento, meu corpo não me ajuda. Eu finjo estar bem.Eu vou conseguir!
Um dia a previsão do médico se fez real. Acordei numa cama de hospital,meu filho não existia mais.Triste e cansada,eu havia perdido a luta.Os dias vão se passando,eu vou e volto.Meu marido as vezes me pega no colo,me abraça e chora.Agora a criança sou eu.Sei que meus filhos estiveram aqui.Senti me tocarem ,ouvi choros.Mas a escuridão me envolve,luto em vão.
Aqui terminou meu sonho de ser mãe novamente.







Um comentário: