Translate

Videos

Loading...

quarta-feira, 3 de outubro de 2012

Minha flor única...


Minha flor única...

Sentada na praia do Rio Negro.
Negras águas, lindas estrelas a brilhar.
A nostalgia a me dominar.
Todas as vezes que a estória do príncipe e da sua flor única tem que ser contada. Aula cheia de sonho...
Imagino minha própria flor. Guardada bem distante daqui.
Flor feita de amor. Amor único.
Contemplo as estrelas distantes, as águas negras, perigosas.
Como estará agora minha flor?Foi regada de saudade ou contempla o horizonte nessa hora. Cheia de vaidade...
O pensamento abre as asas, alem do infinito viaja...
Corre a Pena nesse texto que no tinteiro da saudade foi encharcada.
Que vontade de voltar para casa...



Manaus,Amazonas.Brasil 2007

Nenhum comentário:

Postar um comentário